domingo, 6 de maio de 2012

04/05/12 ♥


Realmente, não há como sair a mesma pessoa depois de um show da Ana Carolina! Não dá pra explicar o que senti quando ela subiu no palco e soltou aquela voz... Aquela voz TAMANHA! E quem disse que Ana sobe no palco, dá "boa noite", canta e vai embora bateu com a cabeça em que lugar? Porque o que eu presenciei ontem foi bem diferente disso. Simpática, brincalhona, intensa, verdadeira... Muito mais do que eu esperava! Ana é maravilhosa! E confesso que foi a melhor coisa que aconteceu na minha vida! Nunca me senti tão feliz como ontem... Nunca! Sensação de estar em outro mundo... inexplicável! E quando vai aproximando o final do show? Que os fãs correm pra frente do palco pra cantar junto as últimas músicas? Eu fui uma das primeiras a chegar e lá vivi meu momento intenso de fã: gritando, cantando, chorando, dizendo que amo. Ana Carolina... finalmente, cheguei perto, cantei junto, vivi o que eu queria! Não dá pra negar que é viciante. Saí de lá querendo mais, mais, mais, mais, e muito mais! "Me fez sentir tão bem como ninguém" e essa sensação, eu nunca vou esquecer. Se tendemos a nos apegar a um cilindro de tabaco, o que dizer de um ser humano que, mesmo nem sabendo que você existe, é o que mais te faz bem e feliz? Se eu já era apaixonada, encantada, fã, antes de um show, imaginem agora? Consegui me apaixonar ainda mais depois de tudo que vi e senti ontem *-* Amo ser fã assim! Intensa, intensa, intensa! "Essa coisa de fazer o mundo acreditar que meu amor não será passageiro, te amarei de janeiro a janeiro, até o mundo acabar ♪" ♥

sábado, 31 de março de 2012


Não tenho lugar pra você no meu sonho. Não tenho lugar pra você no armário. Não vou te emprestar minha sala de banho. Não vou te encaixar lá no meu calendário. Não quero ouvir sua voz me chamando. Não venha querer dividir seu momento. A sua presença não está no meu plano. Não quero saber a razão do seu lamento ;)

domingo, 19 de fevereiro de 2012


Nunca fui boa em correr atrás das pessoas, mas sempre fui ótima em fugir daquilo que me faz mal.

segunda-feira, 30 de janeiro de 2012

Uma louca tempestade!


Então galera, vou começar compartilhando uma vontade! Beijar na chuva, quem nunca quis?
Confesso pra vocês que uma boa tempestade me deixa com vontade de viver um romance daqueles de tirar o fôlego, sabe? Mas isso não é tão simples quanto possa parecer... Seria muito fácil sair beijando qualquer rapaz toda vez que a chuva resolvesse cair. Mas, convenhamos: tempestade combina com paixão que queima, amor que enlouquece e desejo que atrai. E isso a gente não encontra em qualquer esquina, não é verdade? Por esse motivo, minha cena de cinema na chuva continua sendo uma vontade (risos).
Gosto de temporal, ventania e tudo que vem pra revirar minha cabeça! Me entedio rápido com o que é fácil e constante, afinal, portos seguros, geralmente, não têm a mesma graça que uma boa e louca tempestade!


"Eu não sei o que o meu corpo abriga nestas noites quentes de verão, e nem me importa que mil raios partam qualquer sentido vago de razão"


De volta!


Oi gente! Voltei! :)
Saudades de mim????? Claro né? Que não! auhauhhua
Durante esse tempo eu estava trabalhando, estudando, viajando, me apaixonando, malhando, twittando, vivendo pra caramba! E agora resolvi voltar pra compartilhar com vocês minhas mágoas, alegrias, rancores e frustrações! Enfim... dividir com vocês mais alguns Chazinhos... Alguém aceita?

quarta-feira, 24 de agosto de 2011

Homenagem à Cia. Teatro de Bolso

Caravana despenca pela rua afora.
Indo e vindo. Monociclo e Cores.
A Perna de pau e o Malabarista.

Tem fogo? Tem sim Senhor!
E tem talento pra todo gosto.
Atrás espiando, vai o Diretor.
Trabalho duro, mas louvável.
Risos. Monólogos. Novelas.
O espetáculo já vai começar.

Diálogos dramáticos e intensos.
E a comédia que nos diverte.

Boca falando. Gritando. Cantando.
O povo inteiro olhando. Vibrando.
Lado a lado os artistas parados.
Salva de palmas e eles agradecem.
O espetáculo termina, só por hoje.

...amanhã? começa tudo de novo...


Minha humilde homenagem aos talentosos e exemplares artistas da Cia Teatro de Bolso de Ponte Nova. Obrigado por me receberem tão bem. E obrigado por representarem tão bem o Teatro.


Marcelo Di Barros
24 de agosto de 2011